As minhas compras
O seu cesto está vazio.
Adicione produtos ao seu cesto.
Os meus favoritos
Não perca os seus favoritos!
para guardá-los e gerir diferentes listas.
(0 artigos)
A lista de produtos favoritos está vazia.
Adicione produtos aos seus favoritos.
Confidências de uma Estudante de Economia
Favorito
Confidências de uma Estudante de Economia
Papel
15,00
ComprarComprar
Ebook
5,00
ComprarComprar

Detalhe
Editora:
Astrolábio Edições
Data de publicação:
2024-03-18
Páginas:
222
ISBN:
978-989-37-7394-9
Género:
Ficção
Idioma:
PT
Sinopse

Tal como a Leonor de tempos idos ia para a fonte formosa e não segura, Rafaela chegou à faculdade de Economia insegura, mas tão linda que o mundo espantava.

A radiante beleza era, aliás, o seu ativo mais valioso quando os negó­cios da família se afundaram, ainda mal tinha chegado a Lisboa…

As circunstâncias da vida haveriam de amadurecê-la e ensinar-lhe a gostar do curso — fora para ali mais influenciada por uma paixão da adolescência, que por convicção.

Com o passar do tempo, foi descobrindo como a ciência económica a poderia ajudar a abrir veredas de luz na densa floresta da realidade, a distinguir o óbvio do verdadeiro, a duvidar do senso comum, a concluir que, ao contrário do que habitualmente se diz, os números não falam por si, há que saber interrogá-los.

Por entre desilusões e novos afetos, inquietações e esperanças, foi per­cebendo como a economia é determinante e resultante de múltiplas in­terdependências, e o dinheiro — “um bom servidor e um péssimo amo” — a chave que pode abrir a porta a sonhos ou a pesadelos…

Quando a sua amiga Núria, com quem discute ideias, partilha sentimen­tos e um T2 em Campolide, adoece e se vê envolvida num processo judicial que a priva de meios financeiros, Rafaela não hesita em usar a sua beleza para prover o sustento de ambas.

“Confidências de uma estudante de Economia” tem como protagonistas Rafaela, estudante universitária, e a própria Economia como ciência so­cial. Para além das aventuras e confidências da protagonista, as suas cogitações conduzem o leitor por incursões na psicologia social, na lite­ratura, na história e na política, sendo certo que o enredo e os aspetos lúdicos do texto prevalecem sobre quaisquer outros.

Os 20 anos e a claridade da alma de Rafaela não lhe consentem desâni­mos ou lamentações: “Sei que raramente a vida é como sonhamos. Mas os sonhos dão-nos asas para viver”, diz no final.

Leituras semelhantes
Neto de emigrante
Favorito
Neto de emigrante
Bernardino Fonseca
15,00
Um Guia Espiritual entre nós
Favorito
Um Guia Espiritual entre nós
Francisco Guerreiro
12,00
Benkos Biohò - O Escravo livre ou o Rei da Matuna
Favorito
Benkos Biohò - O Escravo livre ou o Rei da Matuna
Djemâa Chraïti
14,00
O Grande Senhor
Favorito
O Grande Senhor
Helena Nereu
12,00
Flores com histórias, mulheres maduras que inspiram
Favorito
Flores com histórias, mulheres maduras que inspiram
Lara Gisela
13,00
Pimenta & Chocolate
Favorito
Pimenta & Chocolate
Pamela Natividade
14,00
Na Bruma do Tempo
Favorito
Na Bruma do Tempo
João Fonseca Matias
16,00
Arcanos Maiores
Favorito
Arcanos Maiores
Maria João Cunha Vicente
14,00
Os Contos que Conto
Favorito
Os Contos que Conto
Neumar Silva
13,00
O caso do cordão de ouro desaparecido
Favorito
O caso do cordão de ouro desaparecido
Ramiro Carrola
17,00
Hugo
Favorito
Hugo
António Jesus
15,00
Contos que Contam Coisas que Contam
Favorito
Contos que Contam Coisas que Contam
Victor Moreira
14,00
Pague de forma seguraPague de forma segura:
Receba em primeira mão
As nossas ofertas e novidades literárias